Torcedores – Notícias Esportivas

NBA: Ex-Clippers detona atual elenco dos Lakers: “Ruim e ultrapassado”

Atual comentarista da ESPN não mediu palavras para criticar o time de LeBron James — e que foi campeão da NBA na temporada retrasada

Álvaro Logullo Neto
24 anos, formado em Jornalismo pela Universidade de São Paulo e, desde 2021, redator de esportes no Torcedores.com. Por aqui, um pouco de tudo: tênis, basquete, NFL, Fórmula 1, esportes olímpicos e Fiorentina... digo, futebol!

Crédito: Getty Images

O ex-jogador de basquete J.J. Redick foi duro ao analisar a atual situação do Los Angeles Lakers, time de ninguém mais, ninguém menos que LeBron James. Redick, aliás, atuou por cinco anos nos Clippers, rival do time amarelo e roxo, entre 2012 e 2017. Agora, como analista da ESPN, ele comentou o desempenho da equipe:

“Eles [Lakers] disputaram 44 partidas na temporada e, em suma, já mostraram quem são. A equipe tem a 18ª defesa mais eficiente e o 7º pior ataque da NBA. São, antes de tudo, um time ruim”.

“Esse elenco foi montado com jogadores que já passaram do auge de suas carreiras. Muitos deles são meus amigos, mas a realidade é que estão ultrapassados”, apontou Redick, no progama ‘First Take’, da ESPN.

Lakers nesta temporada da NBA

De fato, o desempenho do 17 vezes campeão da NBA não vem empolgando nesta temporada. O time venceu 22 partidas, mas perdeu outras 23. Sendo assim, os Lakers são apenas o 8º melhor time da Conferência Oeste.

Após a fala de Redick, a equipe ainda perdeu mais uma partida. Foi diante do Indiana Pacers, por 111 a 104, mesmo atuando em casa. O rival de Indiana, aliás, tem campanha pior que Los Angeles, com apenas 16 triunfos em 45 jogos.

Enfim, a franquia tem esperanças de reverter o panorama ainda nesta temporada, realizando mudanças no elenco antes do término do período de trocas da NBA. Além disso, também já foi cogitada a demissão do atual treinador do time, Frank Vogel. No entanto, tais alternativas não parecem ‘empolgar’ J.J. Redick:

“Essa equipe não tem muitas opções para fazer mudanças. Afinal, quem quer assumir aquele contrato de Russell Westbrook? Além disso, eles não podem trocar escolhas de draft de antes de 2027. Não há alternativa, então. Não será possível trazer ninguém que faça a diferença”, crava o ex-atleta.

Enfim, se a situação já não é a ideal, os Lakers ainda terão de enfrentar uma sequência de seis partidas seguidas fora de casa (Magic, Heat, Nets, 76ers, Hornets e Hawks). Neste momento, a equipe está na zona de play-in, um mini-torneio que define os últimos classificados, de fato, à pós-temporada da NBA.

LEIA MAIS:

NBA: James Harden pode deixar os Nets; veja destino especulado

NBA: Devin Booker, dos Suns, ‘dá xilique’ com mascote do rival; assista

Josh Primo, jogador mais jovem da NBA, se emociona com retorno à casa

Lakers: LeBron James quer jogar com o filho na NBA; Será que vai dar tempo?

Copa do Brasil: confira os 5 maiores públicos da história do torneio

Atacante de clube italiano é oferecido ao Atlético-MG

Conversas vazam e plano do Palmeiras por um atacante é revelado

Ex-Inter oferecido ao Flamengo, Fábio anunciado no Fluminense e mais: as notícias da quarta-feira (19)