Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Imagem forte! Campeã olímpica posta foto do rosto desfigurado após ser brutalmente agredida pelo marido

Francesa Margaux Pinot foi campeã olímpica no judô de Tóquio 2020 e disse em postagem no Instagram que temeu pela sua vida

Mário André Monteiro
Jornalista com passagens por Portal iG, Fox Sports e Osasco Audax. Atualmente editor do Alemanha FC (http://www.alemanhafc.com.br). No Twitter: @alemao_mario e no Instagram: @marioalemao

Crédito: Arquivo pessoal

A atleta francesa Margaux Pinot, que foi campeã olímpica em Tóquio 2020 na prova de equipes mistas do judô, postou uma foto chocante do seu rosto totalmente desfigurado após ser brutalmente agredida pelo marido.

Na legenda da imagem (confira o texto completo mais abaixo), a judoca fez duras crítica à Justiça francesa, que soltou Alain Schmitt, o marido agressor.

“De que vale a defesa caluniosa contra minhas feridas e o sangue espalhado no chão do meu apartamento? O que estava faltando? Morte no final, talvez? Provavelmente foi o judô que me salvou. E meus pensamentos também estão com aqueles que não podem dizer o mesmo”, disse a atleta de 27 anos.

Schmitt, de 38 anos de idade, foi preso na madrugada do último domingo (21) depois que o vizinho do casal fez a denúncia. Segundo a imprensa da França, a polícia diz que o homem apresentava sinais de embriaguez.

Margaux recebeu muitos socos no rosto e chegou a quebrar o nariz, ficando mais de uma semana internada na UTI.

Alain Schmitt, que além de marido também é treinador da campeã olímpica, ganhou uma medalha de bronze no Mundial de Judô de 2013.

Confira o depoimento da judoca na legenda da foto postada no Instagram:

“Durante a noite de sábado para domingo, fui vítima de uma agressão em minha casa pelo meu companheiro e treinador”.

“Fui insultada, levei socos e minha cabeça foi atingida no chão por várias vezes. E finalmente fui estrangulada”.

“Achei que estava morta, conseguir fugir par ame refugiar com meus vizinhos que imediatamente chamaram a polícia”.

“Tenho vários ferimentos, incluindo um nariz quebrado e 10 dias de interrupção temporária do trabalho”.

“Hoje a justiça decidiu libertá-lo. De que vale a defesa caluniosa contra minhas feridas e o sangue espalhado no chão do meu apartamento? O que estava faltando? Morte no final, talvez? Provavelmente foi o judô que me salvou. E meus pensamentos também estão com aqueles que não podem dizer o mesmo”.

LEIA TAMBÉM

Barcelona faz oferta para contratar atacante que é considerado “novo Haaland”

Jogador de vôlei descobre depois de 15 anos que namorada não é Alessandra Ambrosio

Cinco times que fizeram boas campanhas na Libertadores e fracassaram no Mundial de Clubes

Entenda por que o Boca Juniors prefere que o Flamengo seja campeão da Libertadores de 2021

Brasileirão Série A 2021: confira a tabela completa do campeonato

Brasileirão Série B 2021: confira a tabela completa do campeonato

Trio do Grêmio, Luan, e mais: quem chega e quem saí no Atlético-MG

Além da Inglaterra, Gabigol também é cobiçado na Espanha e na Alemanha

Neto perde aposta com Velloso a respeito de Corinthians x Palmeiras

Após os jogos da terça-feira, mais duas posições são definidas no Brasileirão 2021