Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Tênis: Ex-número 4 da WTA anuncia aposentadoria aos 30 anos

Britânica Johanna Konta foi três vezes semifinalista de Grand Slam e tem quatro títulos da WTA na carreira

Álvaro Logullo Neto
24 anos, formado em Jornalismo pela Universidade de São Paulo e, desde 2021, redator de esportes no Torcedores.com. Por aqui, um pouco de tudo: tênis, basquete, NFL, Fórmula 1, esportes olímpicos e Fiorentina... digo, futebol!

Crédito: Divulgação / Instagram: @johannakonta

Johanna Konta, que estava fora de ação desde agosto, surpreendeu os fãs de tênis. Isso porque a birtânica anunciou sua aposentadoria das quadras, de forma até precoce. Ela tem 30 anos de idade e é profissional desde 2008. Agora, porém, Konta vai dedicar seus esforços a outras atividades. Em 2020, inclusive, ela já havia dito ao SunSport que tinha desejo de começar uma família em 2022. Neste mês de dezembro, ela se casará com o noivo Jackson Wade.

Em suas redes sociais, a tenista demonstrou gratidão e orgulho de sua carreira no esporte: “Grata! Esta é a palavra que provavelmente mais usei durante a minha carreira, e é que explica melhor este final. Todas as evidências apontavam para que eu não ‘fosse longe’ na profissão. No entanto, minha sorte se materializou nas pessoas que entraram em minha vida e impactaram minha existência de maneiras que transcenderam o tênis. Sou, portanto, extremamente grata por elas”, diz parte do comunicado de Konta confirmando sua aposentadoria.

Carreira de Johanna Konta na WTA

De certa forma, a carreira de Konta no circuito feminino de tênis demorou um pouco para despontar. Isso porque, profissional desde 2008, ela venceu seu primeiro jogo de WTA apenas em 2012, já com 21 anos. Daí em diante, porém, a tenista britânica iniciou rápida ascensão, que culminou e quatro títulos e bons resultados em Grand Slams.

Konta venceu os torneios de Stanford (2016), WTA de Miami e e Sidney (2017) e Nottingham (2021). No Majors, a britânica atingiu as semifinais em três oportunidades, mas jamais conseguiu se classificar para a decisão. Ela parou nas semis no Australian Open, de 2016, Wimbledon, de 2017, e Roland Garros, de 2019. Além disso, Konta conseguiu ser uma top 5 no ranking mundial. Em 17 de julho de 2017, ela alcançou a 4ª colocação da WTA, sua melhor posição em toda a carreira. Desde agosto de 2021, contudo, a tenista não entrava em quadra.

Ela foi eliminada na primeira rodada do WTA de Cincinnati e, depois, desistiu de jogar o US Open. Convivendo com uma lesão no joelho de longa data, ela, agora, anuncia que pendurou a raquete de vez.

LEIA MAIS:

Djokovic não deve jogar Australian Open, diz pai: “É chantagem”

Peng Shuai: ONU quer provas sobre paradeiro de tenista desaparecida

Lenda entre cadeirantes, dono de ‘Golden Slam’ anuncia aposentadoria aos 30 anos: “É a vez da próxima geração”

Federer desabafa sobre ‘fim próximo’ de carreira e revela seu maior sonho

Tribunal do RJ decide por anular assembleia que elegeu Caboclo na CBF

Vampeta projeta fortuna de Renato Gaúcho: “Certeza absoluta”

Atlético-MG há 50 anos e mais: confira os maiores jejuns do Brasileirão

Jesus ou Gallardo no Flamengo, Renato Gaúcho em novo clube e mais; o mercado da bola dos técnicos

Brasileirão Série A 2021: confira a tabela completa do campeonato

Brasileirão Série B 2021: confira a tabela completa do campeonato