Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

45 atletas estão na Calçada da Fama do Corinthians; veja todos

Homenagem foi criada no ano do centenário pelo Timão

Matheus Camargo
Jornalista formado pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), colaborador do Torcedores.com desde 2016, radialista na Paiquerê 91,7.

Crédito: Divulgação/Corinthians

O Corinthians criou sua Calçada da Fama em 2010, ano do centenário, para homenagear atletas que tiveram algum destaque com a camisa do clube.

Siga o Torcedores no Facebook para acompanhar as melhores notícias de futebol, games e outros esportes
https://www.facebook.com/TorcedoresOficial

Até o momento 45 nomes estão entre os homenageados pelo Timão na história. Veja todos abaixo:

Alessandro – 2008 a 2013
Amaury Pasos* – 1966 a 1972
Ataliba – 1982 a 1984
Basílio – 1975 a 1981
Biro-Biro – 1978 a 1988
Cabeção – 1949 a 1966
Casagrande – 1980 a 1986/1994
Célio Silva – 1994 a 1998
Chicão – 2008 a 2013
Dentinho – 2007 a 2011
Dinei – 1990 a 2002/1998 a 2000
Edílson – 1997 a 2000
Edu Gaspar – 1998 a 2000/2009 a 2010
Ezequiel – 1990 a 1995
Fábio Luciano – 2000 a 2003
Flávio Minuano – 1965 a 1969
Carlos Gamarra – 1998 a 1999
Geraldão – 1975 a 1978
Gilmar – 1951 a 1961
Liedson – 2003/2011 a 2012
Luizão – 1999 a 2002
Marcelinho Carioca – 1994 a 1997/1998 a 2001/2006/2010
Marcelo Djian – 1987 a 1993
Márcio Bittencourt – 1985 a 1991
Neto – 1989 a 1993/1996 a 1997
Oscar Schmidt* – 1995 a 1997
Oswaldo Brandão – 1954 a 1957/1964 a 1966/1967 a 1968/1977 a 1978/1980 a 1981
Palhinha – 1977 a 1980
Paulo Borges – 1968 a 1971
Poliana Okimoto** – 2010 a 2013
Rincón – 1997 a 2000/2004
Rivellino – 1965 a 1974
Romeu Cambalhota – 1976 a 1980
Ronaldo – 1988 a 1998
Ruço – 1975 a 1978
Tobias – 1974 a 1979
Tupãzinho – 1990 a 1996
Vampeta – 1998 a 2000/2002 a 2003/2007
Waguinho – 1971 a 1980
Wilson Mano – 1986 a 1992
Wladimir – 1972 a 1985
Wlamir Marques* – 1962 a 1972
Zé Elias – 1993 a 1996
Zé Maria – 1970 a 1983
Zenon – 1981 a 1986

*Amaury, Oscar e Wlamir aparecem pelos serviços prestados ao basquete do Corinthians.
**A medalhista olímpica e campeã mundial Poliana Okimoto aparece pelos serviços prestados à natação do Corinthians.

Considerado por muitos como o maior ídolo da história do Corinthians, Sócrates recusou a homenagem em 2011, já que tinha problemas com a diretoria comandada por Andrés Sanchez. O Doutor morreu no fim do mesmo ano e até hoje não entrou na Calçada da Fama do Timão.

Leia mais:
Paulo André desabafa e desmente que tenha processado o Corinthians por jogos aos domingos