Home Futebol Saída? Diretor do São Paulo dá declaração importante sobre Daniel Alves

Saída? Diretor do São Paulo dá declaração importante sobre Daniel Alves

Lateral do São Paulo não goza de prestígio com o torcedor; entrevista polêmica causou desconforto no clube

Eder Bahúte
Eder Bahúte integra o time do Torcedores.com desde 2016. Na cobertura esportiva, atua como redator e tem como foco principal o futebol brasileiro, internacional e mídia esportiva. Diplomado pela Universidade Paulista, o profissional acumula experiência em radiojornalismo e mídia impressa, além de participação em eventos da Copa do Mundo e Paulistão.

O diretor de futebol do São Paulo, Carlos Belmonte, participou nesta terça-feira de uma live, no YouTube, com os jornalistas Arnaldo Ribeiro e Eduardo Tironi. Entre vários assuntos abordados com o dirigente, um deles foi a respeito das duras palavras utilizadas por Daniel Alves após a conquista da medalha de ouro, nos Jogos Olímpicos.

PUBLICIDADE

Belmonte admitiu que a entrevista causou incômodo. Na ocasião, o lateral-direito alegou que o São Paulo falhou com ele por conta de uma dívida que supera a casa dos R$ 10 milhões.

“Óbvio que a fala dele não agradou, mas também a gente não quis potencializar isso. Ele é um cara que se dedica, trabalha. Tem um contrato em vigor e não está sendo cumprido, porque a gente não tem dinheiro. As imagens dele estão em dia, porque ele recebe trimestralmente, mas tem todo o direito econômico que não vem sido pago”, disse Belmonte.

PUBLICIDADE

Ainda de acordo com o dirigente, o São Paulo estuda apresentar uma proposta para abater o débito com Daniel Alves. Nas palavras de Belmonte, inclusive, não garantem que o jogador vestira a camisa do Tricolor em 2022. A prioridade é ter um acordo pelo pagamento da dívida.

“Na última terça, nos reunimos com os empresários e representantes do Daniel e ficamos de apresentar em breve uma proposta de pagamento dessa dívida. E a partir daí vamos negociar em cima. Muito mais do Daniel continuar ou sair, nossa vontade é que chegue a um acordo para que todo mundo se sinta confortável”, explica.

“Se o acordo for para o Daniel continuar, com parcelamento da dívida e ele ficar satisfeito, ótimo. Se não tiver acordo, porque nossa proposta não agradou e vamos ter que liberar o Daniel para seguir outro caminho, tudo bem também. O que não dá é ficar uma coisa em aberto”, concluiu.

LEIA TAMBÉM:

PUBLICIDADE

Convocado por Tite, Matheus Nunes ‘descarta’ seleção brasileira por chance em Portugal

18+ | Jogue com responsabilidade | Aplicam-se os Termos e Condições | Conteúdo comercial