Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Neto relembra dia que foi ofendido no Jogo Aberto: “Ninguém me defendeu”

Em seu canal no Youtube, Neto relembrou confusão com o goleiro Marcos e disse como os dois fizeram as pazes

Rafael Brayan
Estudante de jornalismo. Colaborador especialista e editor-plantonista do Torcedores.Twitter: @rafaelbrayan_

Crédito: Reprodução

Nesta segunda-feira (21), o apresentador e ex-jogador Neto relembrou a confusão com Marcos, ex-goleiro e ídolo do Palmeiras, em vídeo publicado em seu canal no Youtube. Durante o vídeo, ele ressaltou que foi ofendido durante participação do palmeirense no Jogo Aberto.

Aniversário CLUBE EXTRA

Clique e veja as melhores promoções!

As melhores notícias de esportes, direto para você

 

VEJA TAMBÉM:

+ Diego Costa? Lucas Lima? Veja 7 negociações para o Palmeiras ficar de olho na semana

+ Patrick de Paula joga de brinco, irrita Felipe Melo e é empurrado por auxiliar


“O Marcos tinha tomado um frango e na quinta-feira eu falei: ‘Pô Marcão, para de jogar, você é ídolo, você não precisa mais passar esse tipo de vergonha, ficar sendo criticado…’. Aí no dia seguinte o (Luiz) Ceará foi entrevistar, não me defendeu, ninguém do Jogo Aberto me defendeu. Ninguém fez nada. Para dar audiência deixaram o Marcos me ofender”, disse.

Na sequência, Neto relembrou como fizeram as pazes com o ex-goleiro. “Passou um tempo, estava eu e o (Leandro) Quesada no camarote. Chegou o Marcos, a esposa e os goleiros reservas com uns três metros. Falei: ‘O Quesada, nós vamos apanhar. O Marcão está chegando aí com uns caras’. Eu fiquei na minha, ele veio, passou do lado do meu camarote e pediu desculpas para a minha mãe, pediu desculpas para o meu pai, para minha família, aí eu falei ‘Pô Marcão, está tudo certo'”, comentou Neto.